sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Coisas interessantes que eu vi em 2011!


Nem vem que eu não sei fazer retrospectiva!

Boa noite povo! Como eu passei muito tempo fora do circuito "internetístico",acho que me falta a habilidade de saber escrever alguma postagem.É,sei lá o que acontece aqui na minha cabeça,só sei que não quero escrever muita coisa senão vou acabar escrevendo sobre o que não devo comentar.
Hein?
Por isso vou falar um pouquinho sobre o que eu vi este ano. Ou quase né,porque eu esperei poder ver a continuação da minha série preferida, Sobrenatural,porém eu me perdi no tempo e no espaço e não sei em que camada do bolo eu me perdi. O mesmo ocorre com o House, outro grande seriado.A solução é partir para os downloads.

Atenção! Uma rápida interrupção no assunto dos seriados! Povo,façam o favor de observar o que eu tenho a explanar abaixo e dêem a opinião de vocês:

Posso dizer com o maior orgulho que não assisto à programação da Globo a bastante tempo,bota tempo nisso e eu sei que não estou perdendo nada com a minha atitude. É uma emissora que cultiva tendências nem um pouco "agradáveis" com o intuito de "globalizar",de "modernizar" o que a grande massa assiste. Que sorte que eu tenho TV a cabo,pois me privo de assistir atrações hediondas como essa que do programa Mais Você,da apresentadora Ana Maria Braga. Aff que mal gosto,viu?
Essa pervertida colocou cães para cruzar em seu programa ao vivo,faz um tempo. Cruzar seria um termo muito "correto" para o que essa corja aprontou,porque na minha concepção,eles praticamente estupraram a cadelinha que, por sinal, não estava nem um pouco à vontade, o animal foi impedido de escapar e estava muito assustado,pobrezinha! Eu acho isso uma aberração não me importa em que data essa merda foi exibida,eu só sei que aos meus filhos eu direi que passem longe dessa e de qualquer emissora que não seja apropriada!

Blergh! Voltando ao assunto dos seriados...


 Enquanto eu não consigo baixar os episódios de Sobrenatural e House,eu assisto com regularidade mesmo às séries que melhor detalharei abaixo,mas é claro que eu tenho que avisar aos marinheiros que embarcarem nessa viagem que o meu texto contém spoilers,embora seja sem pé nem cabeça! É a minha opinião né gente,não dá para esperar coisa melhor! Portanto se você detesta saber das coisas antes de entrar em contato com elas,algo que não temos em comum,porque em mim as informações só fazem excitar a minha curiosidade,a minha vontade de ver logo para saber como vai ser,então passe bem longe dessa postagem:

The Walking Dead:
Cena marcante de TWD!

 Nunca zumbis me provocaram tanto pavor como os de TWD,tanto que eu só assisto em horários "acessíveis" porque senão corro o risco de ter sonhos "bonitinhos" com eles. Culpa da maquiagem perfeita! Gostei da livre adaptação da história,as vezes ganha-se muito mais em não seguir a história original,mas eu realmente não gostei de algumas mortes que ocorreram na série,pois quem deveria morrer está vivo e serelepe,assim não vale!

Na minha lista negra estão o Shane,pilantra-mor,invejoso do caralhaceta,amigo da onça,do Rick. Ele gosta tanto do nosso protagonista a ponto de querer assumir a vida do pobre coitado assim ele aproveita para roubar tudo o que ele tem,inclusive a sua vida! Não gostei dele ter matado o Otis apesar de ter sido uma decisão lógico-estratégica para salvar o Carl. A outra seria a Lori,eu não a suporto,nojenta uma égua dessas! Por mais que digam o contrário eu tenho certeza que essa ordinária estava com o Shane muito antes de acontecer o apocalipse zumbi.Portanto,mesmo que o Rick fique triste,MORRA VACA FROM HELL!

Outros personagens conquistaram a minha simpatia como o cara durão das flechas Daryl,espero muito que ele comece um relacionamento com a "mulher-careca" minha xará Carol, a coitada sofreu tanto durante a segunda temporada só para ver o seu mundo desmoronar,pois a sua filha sem noção se transformou num zumbi...Ô vida! Se o Daryl desse muito mais do que uma rosa para ela,assim uns beijos bem aplicados,uns chamegos com aquele estilão peculiar,quem sabe ela tem um pouco de emoção na vida e deixa de ser a melancolia em pessoa! Sério,essa atriz só faz papel de mulher triste e desesperada- Vi esses dias um filme com ela chama-se Nevoeiro- ela já tem um olhar choroso próprio para isso e ainda usa esse cabelo "carapinha" que me dá a impressão que ela é "careca".Só aumenta a sua carga dramática!

Daryl dá uns tratos nela,homem!

Também o japonesinho Glenn e a Meg formam um par interessante,apesar de ainda estar muito carnal. Antes mesmo da Lori morrer eu gostaria que aparecesse uma mulher de verdade para o Rick,afinal ele merece!

E antes de partir para o próximo seriado gostaria de deixar registrado aqui a minha perplexidade ante a atividade sexual desse povo do TWD : Não consigo imaginar como eles conseguem ter desejo sexual no meio de tanta podridão e terror! O estágio crítico da coisa foi quando a Andréia se descobriu atiradora de elite e ao invés de tentar entrar para o BOPE resolveu testar o calibre da "espingarda" do Shane em plena estrada...Ah se aparecesse um zumbi na hora do aimeudeus! Bizarro!


American Horror History:

Casa do capiroto!
Aí está uma série que me pegou de surpresa. Qualquer um que saiba quem é o seu autor vai ficar com um pé atrás afinal que tipo de terror pode surgir da mente de uma pessoa que também deu a vida aos seriados Glee e Nip Tuck? Vampiros mais gliterizados que o de Crepúsculo?  Zumbis que cantam e dançam canções da Lady Gaga ou lobisomens siliconados e botocados? Realmente só assistindo para se ter uma real noção do produto.

Não fiquei assustada em nenhuma vez que assisti AHS mesmo nas cenas mais pesadas mas posso dizer que é tenso! Está mais para um drama ou suspense psicológico do que propriamente terror. A história dos personagens é complexa,você pode ora simpatizar ora odiar algum personagem dependendo de qual perspectiva ele for tratado.

No começo eu detestava a Constance,mas depois passei a gostar e a compreender essa mulher,embora ela seja bizarra. E o que falar de Adelaide a filha de Constance que estava sempre invadindo a casa dos Harmon só para aterrorizá-los: "Vocês vão morrer!" Imagine o mal agouro! Ela também avisou aos moleques gêmeos para não entrarem na casa porque seriam mortos,eles não deram ouvidos,entraram e foram comidos pelo bicho-papão Infantata.E como a Adelaide ria,credo!A reação da Vivien piorou o meu estupor,realmente me senti desconfortável com a associação de uma pessoa com Síndrome de Down a algo ruim,por isso,mesmo ela morrendo eu achei que foi emocionante,bonito até,o seu desfecho. E eu não sabia que ela tinha 39 anos! Pra mim ela devia ser no máximo uma adolescente como a Violet.

 Nem preciso dizer que não gosto do Ben obviamente por ele ser um traidor e tudo o que ele faz só dá merda,nem com os pacientes ele acerta,que zica! Coitado do cara que foi falar Porquinho,porquinho!
 na frente do espelho,se lascou por seguir o conselho dele.Aliás ele é muito cheio de conselhos para os outros mas nunca para ele mesmo! Mania desgraçada de analisar tudo logicamente,uma coisa muito mecânica próprio de quem quer justificar as merdas que faz,pois que eu me lembre bem, o Ben não fez nada bem em se envolver com uma vadia chamada Hayden,e pior ainda,com ela ter continuado,portanto mentindo e desrespeitando sua esposa Vivien que havia perdido antes,mas agora, milagrosamente, esperava outro neném.Rimou!

Odeio de morte a amante dele e agora o odeio o Tate também. Quase caí na dele também com aquela cara de criancinha desprotegida,mas ele é o capiroto em pessoa.Que isso Tate,estuprar a própria sogra! Que isso Tate,matar geral no colégio! Que isso Tate?! Vai tomar no seu fiofó,Tate! Muito bem Violet! Não existe príncipe encantado!

O fim é macabro mas ao mesmo tempo é legal porque agora sim a família toda fica unida! Sim povo,geral morre...O que eu mais gosto de ver é a guerrinha entre fantasmas bonzinhos e fantasmas maus,destaque para o Chad e a Moira por exemplo. A Nora coitada, é bipolar e o seu filho é uma quimera do capiroto que sai mastigando os outros por aí,por isso fica em cima do muro. Minha última consideração: Moira a empregada é dupla face, ora jovem e sensual ora uma senhora de idade bem bizarra com um olho morto...Depende de quem a olha e se for homem e safado então...Prova disso é que o Ben passa a enxergá-la como matrona depois de penar bastante...Minha teoria para ela ser velha é que a casa brinca com o inconsciente da pessoa e que também,ela já devia ser velha quando Constance a matou.

Eu bem que gostaria de continuar a escrever mais sobre séries e filmes mas realmente a situação não me permite,por isso desejo-lhes uma incrível passagem de ano!

Beijocas!
Postar um comentário